6 principais tipos de imóveis que você pode comprar

Tempo de leitura: 3 minutos

Para quem está em busca de sair do aluguel ou realizar um investimento, é importante saber que o mercado imobiliário oferece uma grande variedade de opções. Até mesmo casas e apartamentos podem sofrer variação de acordo com a tipologia, por exemplo.

De opções mais sofisticadas às mais simples, é fundamental conhecer todas e saber qual está mais adequada com sua realidade, necessidade e seu sonho! Hoje separamos os 6 principais tipos de imóveis pra te ajudar a percorrer esse caminho em busca do imóvel próprio. Confira abaixo e boa leitura!

1 – Casa

Para quem busca mais espaço, sendo tradicional ou não, essa é uma excelente opção! Uma casa nada mais é que uma construção em terreno individual ou, também, podendo estar dentro de um terreno coletivo, como um condomínio.

As casas podem sofrer alterações em suas características, como:

  • Sobrado: construída sob dois pavimentos, onde são distribuídos os cômodos;
  • Térreas: erguida em um mesmo pavimento e não há necessidade de escada;
  • Geminada: construções com plantas idênticas, sob uma mesma estrutura, normalmente uma do lado da outra.

2 – Loteamento

Este é um grande terreno, dividido em espaços chamados também lotes, utilizados para a construção de um tipo de imóvel. Dentro desse lugar pode ser construída uma casa, conforme o desejo do comprador do espaço.

Um loteamento pode ser semelhante a um condomínio, porém se diferencia na especificação do bem que está sendo adquirido que é somente a área definida como lote. Em um condomínio todos os espaços de uso comum também estão incluídos na negociação.

3 – Sala/Loja

Estes são classificados como imóveis comerciais e, normalmente, estão localizados em regiões que tenham grande fluxo de pessoas e crescimento de comércio.

As lojas são mais comuns para marcas e varejistas, pois proporcionam uma melhor exposição de produtos. Já as salas são a melhor opção para os profissionais, inclusive autônomos, que oferecem serviços como, por exemplo, dentistas, médicos e advogados.

4 – Apartamento

Um dos tipos de imóveis mais comum dentre as outras opções! Esta modalidade de imóvel pode ser vendida ainda na planta ou já pronto. Possui ambientes bem definidos, mas pode variar de tipologia, tamanho e, consequentemente, também o valor.

As variações das divisões internas podem definir o nome dado à especificação do imóvel, como uma “kitnet” por exemplo. Esta é caracterizada por um pequeno apartamento, de ambientes conjuntos.

Existe ainda um tipo de apartamento, os chamados “gardens”, que são imóveis térreos com área privativa. Caracterizando, de modo simples, seria um apartamento com quintal.

5 – Duplex/Triplex

Um duplex é um apartamento composto por dois andares, e ambientes bem definidos nos dois. Pode integrar a cobertura de uma construção, sendo comum ter piscina, por exemplo.

O triplex, como o nome sugere, é uma construção com três andares e também possui uma definição clara dos ambientes.

O comum desta classificação é para imóveis amplos, com pé-direito duplo e grandes ambientes.

6 – Loft

Ao contrário do duplex, o loft já é um espaço de andar único e sem divisórias. O que leva o loft a ter uma denominação forte, mesmo podendo se encaixar em apartamentos e kitnets, é justamente a falta de paredes entre os ambientes. Não necessariamente é um “pequeno apartamento”, é comum ter o pé-direito alto e grandes janelas.

Se originou nos Estados Unidos e é uma opção para quem busca um ambiente mais moderno e dinâmico.

Agora que você já conhece um pouco mais sobre essas opções de imóveis, deixe sua opinião nos comentários! E, se ainda tiver dúvida ou sugestão, é só contar pra gente também!

Até a próxima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *